Nossa, quando tem um feriado assim na semana, eu passo o final de semana inteiro sendo nostálgica! Seja olhando fotos ou ouvindo músicas antigas, sempre que tenho um tempo livre faço jus à máxima “Recordar é Viver” e vivo muito!

Voltando a falar um pouco sobre o meu casamento lindo. Eu vou mostrar detalhes do meu look.

Eu queria um vestido muito simples por que toda nossa festa foi bem simples e delicada. Então, desenhei um vestido com uma modelagem ajustada no corpo com saia justa e babados sobrepostos de organza devorê e tule de seda pura com mangas removíveis também com babados sobrepostos. O tecido que eu escolhi foi um poá em devorê e com ele também foi feita a flor que arremata o meu birdcage.

O birdcage foi feito pela Lo Boheme e o vestido foi feito pela melhor costureira do mundo: a minha mãe. O sapato vermelho e retrô é da estilista Sarah Chofakian.

As jóias que eu usei foram um bracelete e um anel de pérola de quando minha mãe tinha a minha idade e o brinco, também de pérolas H.Stern foi presente do marido para eu usar especialmente nesta data.

Nossas alianças são as mesma do noivado que Ricardo escolheu sem eu nem sequer imaginar, também H.Stern. Acho linda por que é fosca, tem alguns brilhantes e é toda ondulada! Além do cuidado dele ter mandado gravar o nosso apelido “Amor da Vida” em vez de gravar os nossos nomes.

Lá no final eu coloquei fotos do meu noivado surpresa, que foi no Restaurante Nez, em Recife, em dezembro de 2009. Eu usei meu Vestido Januária nesse dia pela primeira vez, por isso eu tenho um caso de Amor com essa roupa!

Mas voltando ao casamento, vou falar também um pouquinho do look do noivo. O noivo estava super feliz de não ter que usar terno. Na verdade, ele usou o colete e a calça do terno e uma gravata do Volkan Celik, que é um designer alemão, que faz as gravatas que o Brandon Flowers usa. No caso, a escolhida foi a do clipe Ready My Mind, por que The Killers é uma das bandas que a gente mais ouviu no começo do namoro. Nos pés, o noivo usou este Vans quadriculado e ficou muito lindo e confortável e nem um pouco com cara de fim de festa!

Vamos ver?

 

Também queria mostrar meu bouquet feito pelas meninas da Floricultura Li. De girassóis e botões, fiquei super feliz quando o recebi!

 

 

E para terminar de mostrar meu look,  o make up, mais simples, impossível! E mais a minha cara também! Quem me conhece de perto sabe que eu não abro mão da combinação delineador + batom vermelho. E o João Pierot que cuidou de mim maravilhosamente bem!

 

 

Então, meninas, foi mais ou menos isso. Eu nunca tive a intenção de “não fazer algo tradicional” mas eu sempre pensei em fazer tudo a cara do casal. E eu posso dizer que  a gente estava muito à vontade nas nossas roupas e que em nenhum momento eu quis ser “a noiva mais bonita do mundo”. A minha intenção sempre foi a de ser “a noiva mais feliz do mundo”.  E assim, eu continuo querendo ser. Essa é a idéia!