Neste final de semana teve início em Teresina, o 1º. Simpósio de Moda, o THE FASHION TRENDS. O evento trouxe profissionais de diversas áreas para abrirmos uma discussão sobre o mercado de moda tão crescente na nossa cidade. O evento foi ótimo, mas o público foi bem pequeno. Eu fico me perguntando cadê as pessoas que trabalham com moda na nossa cidade? Cadê as pessoas curiosas, os estudantes de moda, os empresários, os aspirantes, as donas de blogs? Toda semana eu recebo pelo menos um email de alguém que se diz apaixonado por moda e que busca um espaço, uma palavra de incentivo. Onde estão essas pessoas?

Fica a pergunta: por que não reservar um tempinho para enriquecer sua cultura, estudar sobre o que você gosta, praticar networking ou simplesmente renovar as suas idéias? De fato, as poucas pessoas que participaram o evento absorveram o espírito que move todos os negócios: dedicação. Foram sete palestrantes explanando sua história de vida, suas conquistas profissionais e indagações das mais diversas para nos cutucar na alma.

 

 

Na primeira palestra, a jornalista Helô Gomes, do blog Sanduiche de Algodão, falou sobre como conseguiu os milhares de acessos diários do seu blog, falou sobre jornalismo, responsabilidade, conteúdo e dedicação além de mostrar que ter um blog é muito mais que do que se imagina. As meninas da Anauê, Ana Patrícia Lima e Georgia Rodrigues falaram sobre marketing digital de moda, sobre a utilização das redes de relacionamento para a fidelização de clientes, além de mostrarem cases de sucesso. A terceira palestra foi do estilista Marcelo Sommer, o estilista falou sobre o seu processo criativo e levou algumas peças e seu book de inspirações para que todo mundo pudesse ver e pegar, além de exibir vídeos de alguns de seus desfiles e exposições. A última palestra do primeiro dia foi dada pelo nosso fotógrafo piauiense, Sérgio Caddah. O Sérgio levou imagens de vários trabalhos seus, executados mundo a fora, além de instigar nosso olhar com imagens de fotógrafos de moda, dos mais variados estilos e fechou a noite com chave de ouro.

O segundo dia de palestras começou com a Camila Braz, da Chilli Beans de Teresina, falando sobre a importância do Visual Merchandising no ponto de venda. Depois tivemos a estilista da Oakley Brasil, Ágatha Lach Daros, falando do processo de criação e desenvolvimento de uma coleção de moda. A terceira palestra do segundo dia foi proferida pelo Roberto Ethel, da MKT Mix, o cara é um fera do marketing e a palestra dele, além de explicar muito do branding e do marketing e consumo de moda, trouxe exemplos de várias cases de sucesso, como a marca Alexandre Hercovicth. Depois da palestra rolou um bate-papo super positivo sobre mercado de moda com a participação da Helô Gomes, do Roberto Ethel, do Sérgio Caddah, da nossa estilista piauiense Aline Souto, que deu uma rápida aula sobre o ínicio da produção de moda no nosso Estado e nosso estilista piauiense que participa de grandes circuitos de desfiles nacionais, Martins Paulo.

Que não foi perdeu uma grande oportunidade de provocar seu espírito com a experiência de novos conhecimentos e a absorção de novos conceitos. Eventos assim, que trazem pessoas que vivem moda em diferentes mercados, só enriquecem a comunicação entres aldeias e distancia da realidade aquele (pre)conceito de que o Piauí é um Estado menos merecedor de desenvolvimento.

Imagino que os profissionais que aqui estiveram levaram a imagem de que aqui poucas pessoas estão buscando se profissionalizar. Os números que a indústria de confecção movimenta mensalmente no nosso Estado prova que existe muita gente trabalhando com moda, mas o percentual de pessoas se disponibiliza a investir na cultura e educação é muito baixo.

Nem só de amor * e talento sobrevivem a empresas. Pense nisso!

 

* Quem ama cuida.

 

ph: Irakerly Filho (Revista Yay)