figurino do dia: histórias cruzadas (2011)

Cada figurino é uma viagem. Olho para a roupa que a personagem de uma peça, de um filme ou de uma novela está usando e imagino muitíssimas histórias. Esse é o poder que um figurino tem! E o que dizer quando o figurino é de um filme de época? Pois bem, hoje vim falar do figurino do filme The Help (Histórias Cruzadas, no Brasil).

Histórias Cruzadas.

O filme de 2011 é um drama baseado no livro homônimo de Kathryn Stockett, uma escritora norte-americana nascida no final da década de 1960, e que tem como personagens principais as funcionárias do lar (na época do romance, chamadas de “help“). O filme aborda o elo entre as crianças brancas, praticamente abandonadas por seus pais biológicos, e estas mulheres que nunca recebiam a devida consideração dos patrões. Skeeter, personagem de Emma Stone, é uma jornalista que  decide entrevistar estas funcionárias da cidade de Jackson, no Mississipi  para escrever um livro sobre o racismo enfrentado naquela sociedade.

A silhueta feminina do fim dos anos 1950 e início da década de 1960 é evidenciada nas roupas das personagens aristocratas:  vestidos com saias rodadas e cinturas marcadas destacam-se ao  lado das calças cigarretes. Bordados nos casacos curtos, tecidos florais e cores como azul, rosa, amarelo e outras em tons pastéis estão presentes nas peças. Colares de pérolas, luvas curtas e óculos estilo gatinho completam a produção, trazendo charme e sofisticação aos looks. Os uniformes das empregadas representavam a simplicidade dentro do estilo 1950/1960.

Histórias Cruzadas - Figurino.

Histórias Cruzadas - Figurino.

Sharen Davis, a figurinista do filme, mostra através de roupas e acessórios, os valores e costumes da sociedade do Mississipi no final dos anos 1950 e  início dos anos 1960. Sua intenção era destacar a personalidade de cada personagem através de suas roupas. Aqui alguns croquis e amostras de tecidos, ingredientes fundamentais para a confecção de um figurino:

Histórias Cruzadas - Figurino.

Histórias Cruzadas - Figurino.

Histórias Cruzadas - Figurino. Histórias Cruzadas - Figurino.

O filme foi indicado ao Oscar 2012 de Melhor Filme. Octavia Spencer, a atriz que interpreta uma das empregadas  levou a estatueta de melhor atriz coadjuvante por sua atuação no longa. As atrizes do filme foram premiadas no Globo e Ouro e ainda no Screen Actors Guild Awards 2012.

É um filme incrível. E pra quem aprecia um bom drama e um ótimo figurino, se torna indispensável na lista dos filmes da vida. Quem aí já viu?

Beijos!Assinatura Paty.

Filme Lindo do Dia ♥ Sete Dias Com Marilyn.

 

Essa é a mulher mais linda e sedutora que passou pela Terra. Uma das estreias mais esperadas do ano foi a de Sete Dias com Marilyn, o novo filme biográfico da estonteante atriz norte-americana. Estava muito ansiosa para ver e muito receosa de me decepcionar por quê não imagino atriz no mundo que pudesse encarnar o personagem Monroe.

O filme é baseado no livro My Week with Marilyn (Minha Semana Com Marilyn) que o terceiro assistente de direção (confirmado via IMDB, hehehe) do filme The Prince and the Showgirl escreveu sobre o  affair que teve com a atriz. Preciso ler o livro para dar a minha opinião sobre o roteiro, mas, já posso dizer que o filme é bem legal, mas nunca nunca nunca eu imaginaria a Michelle Williams com Marilyn e depois do filme, ainda mais. Enfim, ela ganhou o Globo de Ouro de Melhor Atriz por esse papel, mas… difícil, por mais que ela atue muito bem com as inseguranças e carências da diva, olhar para ela vestida daquele jeito não me convence. Imagino que pegar uma atriz nova e mais parecida teria sido uma boa sacada e teria sido menos pretensioso.

O filme é bem bonito e em se passar na Inglaterra me cativa muito. O ator que faz o Colin é muito fofo, muito inglês e algumas cenas se passam no Castelo de Windsor (um dos lugares que eu mais gostei de conhecer na vida!). No mais, eu indico muito para que cada uma tenha mesmo a sua opnião. Gosto da Michelle e mais ainda dos seus looks , mas ela nunca vai deixar de ter a cara da chata da Jen.

Enfim, vamos aos que mais nos interessou no filme: o figurino! Já vou avisando que sobre o make up, quem espera mega cílios, esquece! Nesta fase a Marilyn ainda não usava cílios super cheios e o filme caracteriza isso também. Achei uns croquis da figurinista Jill Taylor e vi que o trabalho de pesquisa foi muito bom. As peças foram quase réplicas perfeitas das originais usadas por Marilyn durante as filmagens na Inglaterra.

 

 

 

Agora a cena em que aparece o vestido mais lindo de todos!  Confesso que fiquei bem curiosa sobre o filme The Prince and The ShowGirl, enquanto não assisto, vamos ver o vídeo de uma cena retratada em Sete Dias com Marilyn:

 

 

 

Ah, se você ficou confusa com o figurino do vídeo, calma! É que o filme é de 1957, mas a história se passa no início do século XX, logo a moda da época foi retratada na década de 50. A mesma coisa que foi feita agora, retratando a década de 50. Pode-se dizer que é um meta-filme, hein?

Falando nisso, quem estiver com viagem marcada para Londres, a Getty Images Gallery está com uma exposição de muitas fotos da diva no Westfield Stratford City. No mês de março aconteceu aqui no Brasil a exposição Quero Ser Marilyn Monroe em SãoPaulo, na Cinemateca, logicamente eu fui e vi fotos lindas, além de pinturas, frases famosas e quadros de designers gráficos. Marilyn rende muito! É sem dúvida uma das figuras mais inspiradoras da história.